karina@anakarinaluna.com///skype: karina_luna///home
Se Você as Tivesse Visto
Publicado pelo Washington State Poet Laureate Program, no The Far Field.
Read original in English →

Eu vi duas Raposas nuas na água
no lago alpino chamado Dorothy.
Quem sabe quem eram aquelas duas Borboletas risonhas,
libélulas azuis beijocando os cabelos molhados, as mãos delas,
talves fossem Dorotéias?
Mas plácido tão quieto
Dorothy flutuou-as opulentas,
segurou as nádegas descobertas e lisas
empurrando para o céu os adoráveis triângulos
os corações românticos boiaram
embaixo de dois pares de seios de bestas aventureiras —
vivas, carne e espírito, elas palavreavam num tronco fálico escorregadio.
E então desapareceram;
as roupas as comeram.
Hoje eu vi a Raposa-Leoa
ainda comida pela roupas, errante na cidade;
nos seus olhos ávidos deriva a minha image alpina refletida no lago das saudades dela,
e lá eu vi a Raposa-Cabra, a outra Dorotéia:
será que ela ainda está comida por roupas? Aonde e fazendo o que?
Seattle, 30 Janeiro 2014